quinta-feira, 5 de março de 2015

Parapuã terá Packing House

Foto de Prefeitura Municipal de Parapuã.  Na manhã de quarta-feira 04 de março produtores Rurais, acompanhado pela Diretoria da Associação dos Produtores Rurais e Nelson Responsável pela Casa da Agricultura de Parapuã, participaram de reunião com o prefeito Samir Alberto Pernomian, onde foi solicitado da prefeitura apoio com mão de obra para reforma e implantação da “Packing House” Casa da Embalagem que será instalada no prédio do Centro Comunitário do Bairro Córrego Rico, que foi dada cessão de uso por 20 anos para a Associação dos Produtores Rurais de Parapuã. O Projeto visa conta também com toda infraestrutura de equipamentos para beneficiamento, embalagem, rotulagem, armazenamento em câmara fria, equipamentos de escritório entre outros.
Os produtores rurais também serão subvencionados com investimentos individuais em seus lotes: implantação de sistema de irrigação, instalação de estufas, regularização dos poços e aquisição de máquinas e implementos agrícolas.
O projeto terá um investimento total de R$ 521.1116,49 sendo R$364.701,54 Subsidiado pelo Programa Microbacias II do Governo do Estado de São Paulo e 156.414,95 de contra partida dos 19 olericultores integrantes deste projeto.
O objetivo do Microbacias II e de agregar valor à produção agrícola, melhorar a logística de escoamento da produção e fortalecer as organizações rurais na comercialização de seus produtos.
“A implantação do Packing house representa uma oportunidade de melhorar a comercialização dos produtos e assim aumentar a renda dos produtores”, afirmou o Engenheiro Agrônomo Nelson Bronharo Chefe da Casa Da Agricultura de Parapuã
Em paralelo a este, está sendo solicitado junto ao Governo do Estado de São Paulo através do Microbacias II, recursos que poderá ser até o valor de R$ 350.000,00 para recuperação de estradas rurais, especificamente para escoar à produção.
Ainda em reunião o Prefeito ainda disse que pode destinar para a Associação do Produtores Rurais de Parapuã o prédio e área do antigo matadouro para a instalação de tanques escavado para criação de alevinos para atender os piscicultores do município.


Fonte: Assessoria de Imprensa

Justiça Federal de São Paulo realiza grande leilãoFot Ilustração.

Mais de 180 lotes entre móveis, imóveis e automóveis serão apregoados.

Adicionar legenda
São Paulo, 05 de março de 2015 – A Justiça Federal de São Paulo em conjunto com o leiloieiro oficial Diniz Parussolo Martins realizam a 137ª Hasta Pública Unificada, o pregão será realizado nos dias 09 e 23 de março, às 11:00 horas, no Fórum Federal Especializado das Execuções Fiscais.
No evento, os licitantes poderão disputar diversos imóveis localizados na grande São Paulo e nas cidades de Presidente Prudente, Campinas, São José dos Compos, Ourinhos, Avaré, Bauru e região, além de veículos, máquinas, equipamentos e diversos outros bens, os descontos podem chegar até a 50% sobre o valor da avaliação e com condições de parcelamento vide edital.
A lista completa com fotos de alguns bens e os detalhes estão disponíveis no endereço eletrônico www.dinizmartinsleiloes.com.br.
Para participar os interessados deverão cadastrar-se antecipadamente, via e-mail, junto à Central de Hastas Públicas Unificadas de São Paulo (cehas_sp@jfsp.jus.br), ou pessoalmente, com uma hora de antecedência no local do leilão, no Fórum Federal Especializado das Execuções Fiscais, localizado na Rua João Guimarães Rosa, 215, São Paulo/SP.
Para maiores informações ou dúvidas entre em contato através do (11) 4082-2850 ou pelo site www.dinizmartinsleiloes.com.br.


Assessoria de Comunicação
(44) 4082-2850
Email: contato@dinizmartinsleiloes.com.br
www.dinizmartinsleiloes.com.br



(Lucélia) Câmara rejeita projeto que previa contratação de reeducandos.

Foto Ilustração(Internet)
A Câmara de Lucélia rejeitou por 6 votos contra e 4 a favor o Projeto de Lei  de autoria  do Executivo Municipal para firmar convênio com  a FUNAP - Fundação “Prof. Dr. Manoel Pedro Pimentel”. A votação aconteceu em sessão ordinária realizada na noite de 02 de março, segunda-feira,  O presente Projeto de Lei, que permite estabelecer convênio com a FUNAP - Fundação “Prof. Dr. Manoel Pedro Pimentel”, visando contribuir para recuperação social e inserção do preso e do egresso na sociedade, via oferta de trabalho remunerado sem vínculo empregatício, pelo Município de Lucélia.
“Segundo a mensagem existe ampla legislação que disciplina essa ação e experiências exitosas, permitindo que reeducandos da unidade prisional local, dentro do regime semi-aberto, possam prestar serviços de ajudante geral para o Município de Lucélia, suprindo assim a necessidade de diversos setores, como Diretoria de Obras e Serviços, Diretoria de Agricultura e Abastecimento, Diretoria de Meio Ambiente, Diretoria de Saúde e Saneamento e Diretoria de Trânsito, entre outros, e sejam remunerado para tal, via FUNAP. “
“Essa parceria da FUNAP com municípios existe em muitas localidades, como Mirandópolis, São José do Rio Preto, Campinas, Marília, entre outras, onde o reeducando presta serviços e recebe a referida remuneração, sem encargos trabalhistas e sem impactar na folha de pagamento, a um custo relativamente satisfatório, para uma jornada diária equivalente ao horário de trabalho da Prefeitura Municipal.”
“Considerando os aspectos dessa iniciativa, sobretudo o ganho com a incorporação dessa frente de trabalho junto à Prefeitura Municipal, seu baixo custo em relação a um trabalhador formal, e o fato de não impactar na folha de pagamento, a alternativa é benéfica, vantajosa e trará resultados junto às áreas que atuarão.”

O presente projeto tinha sido apresentado anteriormente, mas teve pedido de vistos e só voltou a ordem do dia na sessão camararia de segunda-feira, dia 02 de março.
Fonte: Marcos Vazniac
Jornal A Gazeta regional
Lucélia

(Lucélia) "1ª Festa da Costela"


Uma promoção do Lions Clube de Lucélia
Os convites já estão sendo vendidos
O local será na AFUCAL
Dia 12 de abril (domingo)
Som ao vivo
R$ 25,00 por pessoa
Faça já sua reserva pois os convites são limitados


Mais detalhes, com Waldir no Cartório                                                                                                                     

Prefeitura obtém aprovação do Grapohab para Conjunto Habitacional

Após intenso trabalho para regularização do imóvel e demora em razão dos trâmites burocráticos, administração vence importante etapa para dar sequência ao empreendimento

Assessoria de Imprensa


Certificado emitido pela Grapohab
é mais uma vitória para
 a construção
 de unidades habitacionais
 em Adamantina
Foto: Reprodução
O prefeito Ivo Santos, que estabeleceu a habitação como uma de suas prioridades, recebeu mais uma importante notícia no início desta semana. O Grupo de Análise e Aprovação de Projetos Habitacionais (Grapohab) aprovou o projeto do novo conjunto habitacional que será resultará na construção de 329 unidades.
O documento traz toda a especificação do empreendimento, que será implementadoem área adquirida em 2013 pela administraçãona Vicinal José Maria da Silva, entre os municípios de Adamantina e Mariápolis.
Com déficit habitacional que ultrapassa 900 unidades e sem a conquista de novas unidades habitacionais há mais de 10 anos, a administração vê a concretização de mais uma proposta de governo cada vez mais perto.
O secretário de Planejamento, Rogério Buchala, que coordenou todo o processo de regularização do empreendimento lamenta, no entanto, tantos entraves e a burocracia, que impede que as obras sejam iniciadas rapidamente. Segundo ele, existem ainda algumas etapas a serem cumpridas pra que as casas sejam construídas, mas ressaltou que a administração está atuando para que isso ocorra o mais breve possível.

Acesso

Uma das ações necessárias, segundo Buchala, já está sendo executada. Na última semana, a Prefeitura de Adamantina publicou decretos de desapropriação de imóveis que dão acesso à área localizada na margem da rodovia Adamantina/Mariápolis, a cerca de 2 km do trevo que de acesso ao município de Lucélia.
A medida tem como objetivo cumprir com um dos requisitos exigidos pela Caixa para licitar a área, que será destinada à construção de unidades habitacionais. “Um dos requisitos para que financiamento da Caixa para o empreendimento é a criação de uma ligação da área com a mancha urbana através de ruas e não somente por vias de tráfego rápido”, explica o secretário de Planejamento, Rogério Buchala.
Ele destaca ainda que tal obra já estava prevista no projeto inicial e irá reduzirsignificativamente a distância do novo conjunto habitacional até o centro de Adamantina.
Cumprida esta exigência, a prefeitura dará continuidade ao processo de venda da área, através de processo licitatório,exclusivamente à construtoras que possam viabilizar a construção dos Conjuntos Habitacionais, por meio da CEF. A captação de recursos financeiros, obtido com a venda de referida área, também serão destinados, exclusivamente, à construção moradias populares.
A Prefeitura assinou junto, ao Governo Federal, o Convênio nº 806056/2014,no valor de R$ 1.578.517,94, que prevê a pavimentação asfáltica do acesso ao futuro Conjunto Habitacional que será implantando em referida área.



Fonte: PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE ADAMANTINA
                     Assessoria de Imprensa

Mulher é arrastada por tromba d'água durante chuva em Ourinhos

Vítima lavava louça do lado de fora de casa ao lado de córrego.
Em setembro, outra mulher foi arrastada pela enxurrada na cidade.

Bombeiros procuram por mulher
 arrastada
 (Foto: Giliardy Freitas/TV TEM)
Uma mulher foi arrastada por uma tromba d'água no começo da noite desta quarta-feira (4), em Ourinhos (SP), durante uma forte chuva que atingiu a cidade. Segundo o Corpo de Bombeiros, a mulher, de 42 anos, lavava a louça do lado de fora da casa, próximo ao Córrego Christoni, quando foi levada pela correnteza. Os bombeiros fazem buscas no córrego.
  Em setembro de 2014, Cleonice Silva Santos, de 45 anos também foi arrastada pela enxurrada durante uma forte chuva. A casa em que ela estava fica próxima ao córrego Monjolinho, que
Grupo ajudou nas buscas as margens
 do morro Monjolinho em Ourinhos
 (Foto: Reprodução / TV TEM)

Fonte: http://g1.globo.com/sp/bauru-marilia
desagua no rio Paranapanema.
Quando a casa foi invadida pela enxurrada, o marido conseguiu sair e salvar os filhos de 6 e 16 anos.  Já a mulher ficou presa na casa, que foi destruída pela enxurrada.

Haddad Organização Social informa o falecimento de ELZA MARTINS RIBEIRO

HADDAD ORGANIZAÇÃO SOCIAL - GRUPO HOS - COMUNICA O FALECIMENTO DE 
Nome:
ELZA MARTINS RIBEIRO
Sexo:
Feminino
Idade:
65
Nascimento:
11/06/1949
Falecimento:
04/03/2015
Data:
05/03/2015
Hora:
16:30
Local Velório:
VELORIO MUNICIPAL SALA: 01
Local do Sepultamento:
CEMITERIO MUNICIPAL DE ADAMANTINA