segunda-feira, 29 de maio de 2017

Fundo Viver informa o falecimento de José Geraldo Leal

Faleceu o Sr. JOSÉ GERALDO LEAL



Aos 81 anos
Nascimento – 25/06/1935
Falecimento – 29/05/2017
Velório – Será realizado no Velório Municipal de Lucélia
Sepultamento – 30/05/2017 às 09:00h
O Sepultamento se dará no Cemitério Municipal de Lucélia – SP

“O Fundo Viver Assistencial, se condoliza com os familiares e amigos.”


PAT de Tupã inicia a semana com mais de 10 vagas de emprego

O PAT fica localizado na Avenida Tapuias

O PAT (Posto de Atendimento ao Trabalhador) de Tupã está com diversas oportunidades de emprego nesta terça-feira (02). As vagas anunciadas são para os cargos de: 


- AUXILIAR DE ESCRITÓRIO (01 vaga)
Requisitos: ambos sexos, experiência em escrita fiscal, ensino superior em Ciências Contábeis ou Administração.

- FUNILEIRO (02 vagas)
Requisitos: sexo masculino, acima de 20 anos, com experiência específica na área (funilaria e pintura).

- FARMACÊUTICO (01 vaga)
Requisitos: ambos sexos, ensino superior e com experiência.

- CAPTADOR EXTERNO (01 vaga)
Requisitos: sexo feminino, com CNH, comunicativa.

- VENDEDOR EXTERNO (01 vaga)
Requisitos: ambos sexos, ensino médio completo.

- SOLDADOR MIG, TIG, MAG (01 vaga)
Requisitos: sexo masculino, experiência com solda MAG, MIG e TIG.

- ENGENHEIRO DE PRODUÇÃO (01 vaga)
Requisitos: sexo masculino, ensino superior em Engenharia de Produção.

- AUXILIAR ADMINISTRATIVO (01 vaga)
Requisitos: ambos sexos, experiência com compras.

- FISCAL DE TURMA RURAL (01 vaga)
Requisitos: sexo masculino, experiência de dois anos, conhecimento em corte e plantio de cana de açúcar.

- PORTEIRO (01 vaga)
Requisitos: sexo masculino, com experiência, ensino médio completo e idade até 40 anos.

Os interessados devem procurar o PAT, localizado na Avenida Tapuias, nº 907. Mais informações podem ser obtidas pelos telefones (14) 3496-4038 – (14) 3496-4605 ou (14) 3496-4655.

Fonte:  TupãCity

Fim da taxa de bombeiros já começa a ser discutida em Birigui

De acordo com a Prefeitura, valor é cobrado desde 2006
Por Ivan Ambrósio
O vereador José Fermino Grosso (DEM), um dos autores do projeto,
discursa durante sessão da Câmara de Birigui
Foto: Yago Monteiro/Folha da Região
Um dia após o STF (Supremo Tribunal Federal) julgar inconstitucional a cobrança da taxa de bombeiros, em Birigui, a Câmara já recebeu projeto que propõe a revogação da cobrança. O mesmo pode acontecer em outras cidades da região. Em Araçatuba, onde a previsão de arrecadação neste ano supera R$ 2 milhões, a Prefeitura aguardará a publicação da decisão do Supremo para tomar as medidas adequadas. Penápolis também informou que seu setor jurídico vai analisar o veredicto e apresentar ao prefeito Célio de Oliveira (PSDB) uma posição a respeito.

No caso de Birigui, de acordo com a Prefeitura, a taxa é cobrada desde 2006. A quantia obtida é aplicada em conformidade com o que estabelece a lei complementar 14, de 24 de novembro de 2005, para despesas de custeio do serviço. Diz o texto: “Considera-se custeio do serviço o combustível, peças e lubrificantes, demais materiais, aquisição de equipamentos e materiais permanentes, entre outros”.

Só em 2015, na segunda maior cidade da região, a taxa foi responsável pela arrecadação de R$ 803.435,11. No ano seguinte, R$ 969.232,14. A proposta de revogação da cobrança foi apresentada pelos vereadores José Fermino Grosso e Luiz Roberto Ferrari, ambos do DEM, e Benedito Dafé (PV). Em Araçatuba, a TSB (Taxa de Serviços dos Bombeiros) é cobrada desde 2011.

O Executivo informou que os recursos arrecadados são transferidos para o Febom (Fundo Especial do Bombeiro) e só podem ser usados para gastos com a corporação. Em 2015, foram arrecadados cerca de R$ 1,650 milhão e, no ano passado, R$ 1,8 milhão. Em 2014, o grupamento usou o dinheiro para comprar um caminhão autotanque de combate a incêndio, duas viaturas de transporte pessoal e duas unidades de Resgate, investindo R$ 600 mil. Penápolis teve a criação da taxa pela lei 1.568 de 12 de dezembro de 1985 e o Febom, em 1996. No ano retrasado, arrecadou R$ 553.489,96 e, em 2016, R$ 561.309,20. Recentemente, com o dinheiro obtido pela taxa, o Corpo de Bombeiros da cidade adquiriu nova viatura de Resgate por R$ 199.900,00.

RESSARCIMENTO

Segundo o ministro Marco Aurélio Mello, relator da ação no Supremo, a partir da decisão, os contribuintes poderão inclusive pedir à Justiça o ressarcimento dos valores pagos, desde que limitados aos cinco anos anteriores à apresentação da ação.

Fonte: http://www.folhadaregiao.com.br/regi%C3%A3o/fim-da-taxa-de-bombeiros-j%C3%A1-come%C3%A7a-a-ser-discutido-em-birigui-1.340502

(Lavínia) Prefeito investe em infraestrutura para tentar gerar empregos

Prefeito de Lavínia, Clóvis Izidio, nunca tinha se candidatado
Por Ronaldo Ruiz Galdino
Clóvis Izidio (PV) trabalhou como gerente em indústrias
 e possui um pequeno comércio na cidade
Foto: Ronaldo Ruiz Galdino/Folha da Região - 24/05-2017
Seguindo a linha dos novos gestores na política, o prefeito de Lavínia, Clóvis Izidio (PV), nunca tinha se candidatado a nenhum cargo até as eleições do ano passado. Ele também trabalhou como gerente em indústrias e possui um pequeno comércio na cidade.
Segundo Izidio, a administração na iniciativa privada e no setor público são parecidas. A diferença é que, neste último, o dinheiro é da população, para a qual o gestor tem que trabalhar.

Entre os desafios de seu governo, Izidio disse que o maior deles é a geração de empregos. Para isso, ele pretende investir na infraestrutura do município para atrair servidores estaduais que trabalham nos presídios da cidade a se mudarem para Lavínia.

Fonte:http://www.folhadaregiao.com.br/regi%C3%A3o/prefeito-investe-em-infraestrutura-para-tentar-gerar-empregos-1.340661

(Lucélia) TRÁFICO DE ENTORPECENTES: Polícia Militar prende homem com grande quantidade de maconha

Fonte: http://www.folharegionaladamantina.com.br


Durante patrulhamento realizado na tarde de ontem (28) pela Vila Rancharia em Lucélia, os policiais militares visualizaram alguns indivíduos defronte ao local conhecido por ser ponto de venda entorpecentes e ao perceberem a presença da viatura estes passaram a se portar de maneira que despertou a atenção dos policiais.
Em busca pessoal em um dos indivíduos estava muito nervoso e ao ser indagado se havia drogas em sua residência acabou confessando que tinha várias porções de maconha.
Os militares se deslocaram até a residência onde indicou onde estava a droga e em seu quarto R$ 86,00 em notas diversas.
Diante dos fatos foi dado voz de apreensão por tráfico drogas e conduzindo ao plantão policial onde indivíduo confessou que vendia a R$ 10,00 reais cada porção. 

(Adamantina) Operação faz blitz em bares, casas noturnas, conveniências e fiscaliza trânsito em Adamantina

Operação realizada no fim de semana mobilizou PM e Conselho Tutelar.  Foram identificados menores portando documentos de outras pessoas, além de documentos falsificados.

Traficante foi apreendido com pinos de cocaína, depois de tentar vender drogas para policial de folga, em casa noturna (Foto: Cedida/PM).
Traficante foi apreendido com pinos de cocaína, depois
de tentar vender drogas para policial de folga, em casa noturna
(Foto: Cedida/PM).
 
Complementando o que foi noticiado isoladamente no começo da noite deste domingo (28) pela área de comunicação social do 25º Batalhão da Polícia Militar, acerca da prisão de um traficante em uma balada noturna em Adamantina, a ação se deu por denúncia e foi apurada pela PM dentro de uma operação maior, que acontecia desde 8h da noite de sábado (27) em toda a cidade.
A notícia da operação isolada, com o nome do estabelecimento, foi recebida pelo SIGA MAIS às 17h39 e publicada às 18h32. Pouco depois, às 19h14, o capitão Júlio Marcelo Romagnoli, que comanda a PM em Adamantina, fez contato com a nossa redação e informou que o episódio isolado divulgado antecipadamente pela própria PM não considerou todo o contexto da operação, e passou a expor todo o ocorrido.
Os detalhes da operação, como um todo, seriam divulgados pela PM, mas uma iniciativa interna levou à divulgação de apenas um episódio.  A área de comunicação do 25º Batalhão da Polícia Militar pediu que fosse suprimido o nome do estabelecimento, citado de maneira isolada, e que uma nota, com todos os detalhes da operação, será divulgada nesta segunda-feira (29).
Operação envolveu bares, conveniências, trânsito e as duas casas noturnas
A operação realizada neste fim de semana pela Polícia Militar de Adamantina mobilizou um amplo efetivo policial e viaturas. Os trabalhos foram iniciados sábado (27) por volta das 20h, avançando pela noite e madrugada, sendo encerrados por volta das 5h da manhã deste domingo (28). Um dos focos da operação era a proteção à criança e ado adolescente, e foi realizada com a participação do Conselho Tutelar de Adamantina.
Segundo o capitão Júlio, que comandou a operação, os trabalhos foram realizados em diversos bares, conveniências e casas noturnas da cidade, além de fiscalização no trânsito.
A operação passu pelo Jardim Brasil, onde foi realizada a fiscalização de bares e similares, onde houve apreensão de droga e a prisão de uma pessoa, por porte de drogas.
Outro ponto de atuação, na operação, foi uma blitz de trânsito, realizada na vicinal Moysés Justino da Silva, saída para Lucélia. Os veículos que passaram pelo local eram vistorizados e fiscalizados, no campo administrativo (multas, documentos, licenciamentos e outros) e criminal (mandados, envolvimento em crimes, e outros). Segundo o capitão Júlio, houve apreensão de veículos e documentos de condutores.
Presença de menores em bares, conveniências e casas noturnas
A operação realizada pela Polícia Militar fiscalizou bares, conveniências e casas noturnas, sobretudo na região do Parque dos Pioneiros, com vistas a coibir a presença de menores nesses lugares com vistas a inibir o consumo de drogas e álcool pelos mesmos, além de ser realizada fiscalização de trânsito para coibir casos de embriaguez ao volante.
Em uma casa noturna localizada na Avenida Adhemar de Barros, foi realizada uma fiscalização acerca da presença de menores no local, com a verificação de documentos. Foram identificados menores portando documentos de outras pessoas, além de documentos falsificados.
Já eu uma outra casa noturna localizada na Avenida Dr. José Francisco de Azevedo, foi realizada a mesma operação com vistas a identificar a presença de menores no local, o que não foi constatado pela PM e Conselho Tutelar.
Em todos os casos, destaca o capitão Júlio, os proprietários dos estabelecimentos foram solícitos e colaboraram com a operação.
Prisão de traficante
A prisão de um traficante em uma balada noturna em Adamantina, localizada na Avenida Dr. José Francisco de Azevedo se deu por denúncia e foi apurada pela PM dentro de uma operação maior, que acontecia desde 8h da noite de sábado (27) em toda a cidade, quando um traficante foi denunciado por um policial de folga, presente na balada (reveja aqui).
O traficante ofereceu droga ao policial, que por sua vez acionou o policiamento local. Rapidamente foi articulada uma ação que resultou na prisão do traficante, com mais de 40 pinos de cocaína.
Depois de recebida a informação sobre a conduta do traficante, os policiais militares foram até a casa noturna e na abordagem inicial localizaram 6 pinos de cocaína com o suspeito, que recebeu voz de prisão por tráfico de drogas. Em seguida foi conduzido ao plantão da Polícia Civil, onde se realizou busca minuciosa, sendo localizado entre as nádegas do indiciado  um invólucro contendo mais 36 pinos de cocaína.
Foram lavrados boletins de ocorrência pelas polícias Civil e Militar, de prisão em flagrante por tráfico de drogas. O rapaz permaneceu preso, à disposição da Justiça.
Fonte: www.sigamais.com

(Assis) Concurso da Prefeitura para área da Saúde tem inscrição aberta até 31 de maio

Vagas são para Enfermeiro e Médico Pediatra. Inscrições podem ser feitas até 31 de maio

Imagens de arquivo
Estão abertas as inscrições para Concurso Público da Prefeitura Municipal de Assis voltado ao preenchimento de vagas para Enfermeiro e Médico Pediatra. No total, são oferecidas quatro oportunidades.

Para a vaga de Enfermeiro – Estratégia de Saúde da Família (ESF), o salário é de R$ 4.218,69, com carga horária de 40h semanais. O profissional deve ter curso superior em Enfermagem, estar regularmente registrado no Coren/SP e ter especialização em Saúde da Família ou Saúde
Coletiva.

Já para o cargo de Médico Pediatra, o município oferece três vagas. A carga horária é de 10h por semana com rendimentos de R$ 3.838,91. É exigida formação superior em Medicina, com registro no CRM/SP, e especialização em Pediatria.

Essas vagas, que preencherão o quadro de funcionários de carreira na Rede Municipal de Saúde, foram definidas a partir das demandas identificadas em Assis e região. A Secretaria de Saúde fez um levantamento que apontou os vazios existentes na área do atendimento.

Inscrições

O processo do Concurso Público é executado pela FEMA. Os candidatos têm até a próxima quarta-feira, dia 31 de maio, para efetivar a inscrição, exclusivamente no site www.fema.edu.br. A taxa é de R$ 80.

Conforme legislação municipal, é possível solicitar a isenção do pagamento da taxa. Para isso, o candidato deve apresentar, pessoalmente, a documentação prevista no edital. A entrega será feita no Laboratório de Enfermagem, no bloco 2 da FEMA, das 13h às 17h, nos dias 26 ou 29 de maio.

A seleção contará com uma prova objetiva em 11 de junho. Os primeiros 20 colocados serão convocados para avaliação psicológica, em datas a serem definidas pelos organizadores.

Mais informações sobre o Concurso Público da Prefeitura de Assis estão no edital disponível no site da FEMA.
Assessoria de Comunicação FEMA